23 de junho de 2007

São João ou carnaval?

Alexandro Gurgel
A imagem acima foi captada durante o festival de quadrilha em Mossoró, dentro dos festejos do “Cidade Junina”, onde a prefeitura da cidade busca “resgatar as tradições” juninas. Além da noiva, o noivo, o delegado, o padre, os padrinhos e convidados, as quadrilhas “estilizadas” ainda trazem ciganos, reis, rainhas, odaliscas, piratas, entre outros personagens tipicamente carnavalescos.

A indumentária dos brincantes nem de longe lembra a camisa xadrez costurada ou um vestidinho de chita. Agora, a meninada só usa vestidos brilhantes e redondos, parecendo ter saídos da ala das baianas de uma escola de samba.

As inocentes e divertidas quadrilhas improvisadas deram lugar ao fenômeno junino das quadrilhas estilizadas, onde há coreografia bem montada longe do velho “anarreé ou alavantú”. Efeitos especiais com fogos e luzes dão o tom colorido dos grandes bailes. A fogueira e o milho verdes assando são detalhes esquecidos.

Entre uma quadrilha e outra, é possível escutar as canções de Luiz Gonzaga e Elino Julião. Mas, a maioria esmagadora das quadrilhas é embaladas pelo “oxente music”, um forró eletrônico de origem cearense. O trio de forró já foi descartado, dando lugar ao novo DJ Caboclo

E tudo indica que as tradições juninas continuarão a sofrer interferência por longos anos para fortalecer a indústria “cultural de eventos”.

E viva São João!

4 comentários:

Anônimo disse...

Quando a gente diz que Moscow só quer ser as pregas, Túlio Ratto acha ruim..
AC

Espartilho de Eme disse...

Concordo com você! Querem descaracterizar a cultura sertaneja. Não vejo como evolução, mas como um retrocessor daquilo que é mais genuíno; as festas juninas. Ah, obrigada pela postagem do meu poema. Beijos

Moacy Cirne disse...

Pobre São João...

Moacy Cirne disse...

Meu caro Alex: Há uma surpresa pra você no blogue do POEMA/PROCESSO.