17 de agosto de 2010

Semana de Expressões Populares para celebrar o Dia do Folclore

Foto: Canindé Soares
Banda Sinfônica de Natal participa das comemorações do Dia do Folclore.

22 de agosto se comemora o Dia do Folclore. Mas, na terra de Cãmara Cascudo e Deífilo Gurgel, o assunto quase passa batido se não fosse um arremedo de esforço da prefeitura de Natal em lembrar da data.

A Capitania das Artes está preparando uma vasta programação que inclui apresentações culturais, lançamento de CD, DVD e livro, cortejo cultural... É a II Semana de Expressões Culturais. As atividades terão início nesta terça-feira e se estenderão até o dia 29 de agosto.

Serão ministrados Mini Cursos sobre Cultura Popular no auditório do Museu de Cultura Popular, proferidos pelo diretor da Biblioteca Municipal Esmeraldo Siqueira, José Augusto Costa júnior. As aulas acontecerão das 15h às 17h. As inscrições podem ser feitas através do telefone 3232- 8149. O Museu de Cultura Popular fica na Praça Augusto Severo- Ribeira (antiga rodoviária de Natal)

Do dia 18 ao dia 20, também no auditório do Museu de Cultura Popular, os bonecos subirão ao palco para falar, cantar, “brigar”, e apresentar pequenas peças criadas pela imaginação popular. São as apresentações de João Redondo, ou Mamulengo, que serão exibidas sempre das 10h às 11h.

No dia 19, o projeto Festeiros estará lançando o CD e DVD do documentário sobre o tema: “Tradições e Contemporaneidade”, base para um pensamento harmônico. O lançamento será na Praça Augusto Severo, em frente ao Museu de Cultura Popular e contará com apresentação do Corpo de Baile do Ballet Municipal Professor Roosevelt Pimenta, que dançará a coreografia “O Uirapuru”. Também acontecerá show musical com o cantor Isaac Galvão. A programação terá início às 18h.

A programação prosseguirá com concerto da Orquestra Sinfônica da Cidade do Natal, lançamento dos Anais do Encontro dos Escritores de Língua Portuguesa, Curso teórico sobre dança contemporânea (coordenada pela Fundação Joaquim Nabuco), Sexta das Artes comemorativa aos cinco anos de funcionamento do Centro de Artes Integrada – CMAI, espetáculo do ballet no Teatro Alberto Maranhã e lançamento do livro “Arquivos de Dança da Cidade” que conta a trajetória do Ballet Municipal do Natal, de autoria da bailarina Fátima Sena.

2 comentários:

Mirantã disse...

Fico muito feliz por isso, estaremos todos lá, vamos prestigiar nossa cultura!!

Alex, nesta foto, apareço por baixo do braço direito do maestro,
eu sou mesmo muito metida, kakakak

Mirantã disse...

Alex,
Mirantâ sou eu NINA,
não sei pq esse "mirantã"
rsrsrsr