17 de agosto de 2008

Imagens de um jardim seridoense

Foto: Joaquim Júnior
Procissão dos Negros do Rosário chega a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição

Antes de tudo, a fotografia é uma atividade divertida. É feita para registrar lembranças, comunicar idéias e pensamentos. É a única em sua capacidade de congelar para sempre um determinado instante do tempo. É isso, talvez, que lhe confere um encanto universal.

Para registrar as belezas do município de Jardim do Seridó, o jovem fotógrafo Joaquim Júnior realiza sua primeira exposição fotográfica intitulada “Um Olhar Sobre Meu Jardim”, onde apresenta 30 imagens em moldura, que tem como temática a própria cidade, mostrando a arquitetura, religiosidade, cultura e riquezas da terra.

Além das fotos, a exposição vai apresentar 7 pôsteres gigantes das “Sete Maravilhas de Jardim do Seridó”. “Resolvi fazer a exposição porque se tratava de um sonho antigo. Como em Jardim do Seridó existem muitos fotógrafos e nenhum deles se interessou em fazer algo semelhante durante todos esses anos, tratei de planejar e realizar essa exposição”, ressaltou Júnior.

Joaquim Júnior começou a fotografar usando a câmera amadora da sua mãe, fotografando os amigos e a família. Tempos depois, foi convidado a fazer fotos para sites de eventos e resolveu fazer um curso profissionalizante de fotografia. Júnior conta que investiu em equipamentos profissionais, entrando para o mercado em 2007, atendendo clientes em várias cidades da região.

Atualmente, as fotografias de Júnior têm estampado às páginas do Diário de Natal, na coluna Flashes do Seridó, do jornalista Carlos Magno, apresentando a vida social seridoense. “Gosto de fotografia social, mas também curto muito fotografar a cultura e cidades. Recentemente, fiz um trabalho muito bonito, a festa dos Negros do Rosário, aqui em Jardim do Seridó”, revelou.

A exposição “Um Olhar Sobre Meu Jardim” faz parte das comemorações dos 150 anos de emancipação política de Jardim do Seridó e tem apoio da prefeitura municipal. A abertura acontecerá no dia 24 de agosto e ficará em cartaz até o final de setembro no Espaço Térreo da Secretaria Municipal de Educação, no centro da cidade.

2 comentários:

Moacy Cirne disse...

As duas fotos de Joaquim Júnior editadas aqui são muito boas; uma delas já foi para o Balaio. Um abraço.

Mulher na Janela disse...

Ah esse Seridó... Esses jardins de minha infância... Adorei as fotos, Alex!

Um abraço!

Iara